Arquivo da tag: Indie

Quando Eu Era uma Criança Lá Fora (John Torres,08)

Partindo da relação dele com o pai (que mantinha uma segunda família) nos apresenta uma série de fragmentos de possíveis filmes que vão os poucos formando um diário muito particular. Há no filme uma facilidade de se encontrar imagens que parecem estar ali desde sempre – pequenos momentos que visivelmente há muito estavam cristalizados na cabeça do cineasta – assim como impressiona como sua estrutura (que inclui um peso enorme dado a narração em off do cineasta e uma consciência muito grande da sua existência como filme) nunca entra no caminho destas imagens existirem por elas mesmas. A outra arma de Torres é sua montagem tanto no ritmo interna das seqüências, como na maneira que as diversas situações enriquecem umas as outras. Trata-se de um filme muito digressivo (o que certamente irrita muita gente), Torres parece falar de tudo, apesar de nunca perder o foco do peso da figura paterna sobre ele; sobretudo Torres nos abre um sem numero de mundos diferentes, todos no mínimo muito interessantes. Um caderno de anotações de um cineasta poucas vezes é tão instigante e emocionante.

5 Comentários

Arquivado em Filmes

Indie 2008

Começa hoje no Cinesesc o Indie, festival de BH que tem um braço paulistano desde o ano passado. O legal do Indie é que a curadoria do festival é bem diferenciada e trás alguns filmes bem menos óbvios. Para além da retrospectiva do Koji Wakamatsu que se não é um Hong Sang-soo (homenageado do ano passado) não deixa de ser um cineasta interessante (atenção especial para seu último filme United Red Army que foi bem elogiado ano passado), ficam algumas dicas:

Hannah Takes the  Stairs (Joe Swanberg,07) – Domingo, 15h15

Não vi, mas o filme tem seus defensores lá fora e fez sucesso com a redação do Filmes Polvo.

Tudo Perdoado (Mia Hansen-Love,07) – Domingo, 18h50

Confesso que não sou muito fã desta estreia da ex-crítica do Cahiers. Um filme um bom tanto derivativo dos primeiro longas do Assayas e dos filmes do Garrel do final dos anos 80/começo dos 90, mas acho a segunda parte bem boa e o filme tem alguns fãs de respeito como o Eduardo Valente.

Quando Eu Era Uma Criança Lá Fora (John Torres,08) – Segunda, 17h10

O primeiro longa de Torres, Todo Todo Teros, foi muito elogiado quando foi exibido em festivais em 2006. Tem um artigo bem interessante sobre o filme aqui.

Pegando Fogo (Claire Simon,06) – Quarta, 17h20

O filme de Simon dividiu opniões quando foi exibido na Quinzena dos Realizadores, mas teve gente boa que se entusiasmou com ele.

Para quem quer mais dicas recomendo a cobertura do Filmes Polvo.

1 comentário

Arquivado em Uncategorized