Estréias

Como os leitores mais antigos do blog sabem pertenço aquele grupo estranho conhecido como fãs do McG. Isto dito, O Exterminador do Futuro: A Salvação não é exatamente um bom filme, apesar de ser melhor do que sua reputação sugere. Suspeito que um corte mais longo compense parte dos problemas (certamente trata-se do filme com maior numero de cenas truncadas do ano), mas não o maior deles que é a falta de foco. Mas a tensão entre o tom pseudo realista pós-Christopher Nolan e gosto de McG por superfícies é interessante e há bom material nas margens do filme.

Já A Mulher Invisível é destes filmes melhor de escrever do que de ver. Creio que a maioria vai só desconsiderá-lo como mais um filme tolo da Globo Filmes e alguns críticos óbvios vão escrever sobre onde foi parar o autor de Redentor, mas o interessante (doentio até) do filme do Claudio Torres é como o maneirismo que lhe é caro se manifesta no material banal. Como comédia é um desastre completo, mas observar os gostos de Torres se manifestando no filme vale mais do que qualquer trabalho do Daniel Filho.

7 Comentários

Arquivado em Filmes

7 Respostas para “Estréias

  1. Tiago Superoito

    Ou seja: o Exterminador seria então BEM inferior a As Panteras: Detonando?

  2. Mas, Filipe, quem em sã consciência está preocupado em saber dos gostos do Cláudio Torres?!

  3. Filipe Furtado

    Tiago, sem duvidas.

    Marcelo, ao menos torna as coisas mais interessantes do que só outro filme mediocre.

  4. Bem inferior a As Panteras: Detonando é quase o inferno.

  5. PSL

    Panteras Detonando é interessantíssimo, como fenômeno – fenômeno criado pelos efeitos dos cortes, dos planos, das escolhas. T4 é inferior, sim, mas não indigno. Agora, Filipe, realmente, concordando com MM, o que seria interessante vermos os gostos do Claudio Torres? Mulher Invisível é o pior filme do ano, ou, talvez nem tanto, mas faz “Romance” parecer algo visível (o que é grave).

  6. Filipe Furtado

    Bem Paulo para mim é mais valido observar como maneirismo doentio do Torres toma conta de uma comedia boboca dessas do que ver só outra comédia mediocre da Globo. Isto não torna o filme melhor (em nenhum momento sugeri isso), mas torna minha ex0periencia de desperdiçar 100 minutos com ele menos inútil.

  7. Filipe, ainda insistindo, não deixa de ser inútil ficar olhando maneirismos do Cláudio Torres. Porra, quem diabos é Cláudio Torres que mereça ter os maneirismos com atenção?! Mas entendo seu ponto de vista.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s